• Informe Popular

Edição 2020 do A-Gosto das Culturas Populares e Tradicionais: Café com Mestres e Mestras.



A Pandemia nos obriga a novas experiências, resistimos em adotar algumas possibilidades, isso é real, seja pelos limites operacionais ou por crenças. O fato é que foi preciso encarar a situação e lá fomos nós da Roda de Prosa, transformar uma das ações mais bonitas do A-Gosto, que é o Encontro de Culturas no Café com os Mestres e Mestras, numa grande mesa virtual. E foi lindo. Lindo, nesse modelo ampliamos a participação de pessoas, que seria inviável no presencial.


Ter nessa roda, Mestre Bobby-PI, mestra Luíza Borba, Marjorie Botelho e Cláudio Paolino, da Serra Fluminense, Mestras Lacimir e Belinha do Camararem, direto da Terra indígena Raposa Serra do Sol, Antakarana RS, Cecy Brasil que atualmente está em Brasília. Isso foi um ganho enorme ser online.



Ouvir o profundo e comovente depoimento de Paulo Thadeu, que esteve 17 dias em coma por conta da Covid-19. Ouvir mestra Ruusina na sua língua encantadora, a fala importante do Paulo de Carvalho, que diz, a Pandemia acelerou o processo de uso mais amplo das redes.



Michell entrar lá do sítio, Jean, Arlisson, Mário, Sabá,Orlando, Silmara, Márcio, dona Joana feliz por conseguir entrar. E ainda aqueles que entraram e a Net não deixou participar Marlene, Janaene, o Wando do Ceará. E o anfitrião do café, mestre Caimbé com uma mesa bonita feita pela Nayra que também tomou café conosco. Foi bom demais ver e ouvir todos vocês nesses tempos de distanciamento das pessoas, mas não de nossos afetos. Gratidão por SER juntos.

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now